Postagens populares

domingo, 7 de novembro de 2010

CURA

Caminho moribundo arrasado pela insônia.
Olheiras profundas rosto sugado.
Olhos rasos de lágrimas que já parecem eternas.
Parecem que jorram por vontade própria sem que eu sinta.

O triste é perceber que fica cada vês mais difícil.
Visualizar-te, formar sua imagem em minha mente.
Isto parece dimensionar o vazio deixado, e o tempo.
Que não sei se aliado ou adversário, me deixa cada vês mais longe de você.

                                                                  Ady Alves
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário